Após fuga em massa, presos invadem casa e fazem família refém

Detentos fugiram do presídio Milton Soares de Carvalho, em Porto Velho, Roraima, conhecido como 470, na quinta-feira

atualizado 14/06/2020 11:15

Uma família que vive que Porto Velho, capital da Roraima, foi feita refém, no sábado (13/06), por cinco detentos fugitivos de um presídio na noite da última quinta-feira (11/06). No total, 18 detentos escaparam, segundo informações da Polícia Militar. Um deles morreu em troca de tiros na fuga.

De acordo com informações da polícia, os cinco homens, vestindo apenas cuecas, saíram de uma região de mata que fica perto do presídio e invadiram uma residência localizada na zona rural. A família, então, foi acordada pelos criminosos anunciando o assalto.

Segundo as vítimas, os fugitivos estavam armados com facas e disseram que tinham escapado do presídio. Inicialmente, o plano era pegar o carro e algumas roupas. Na sequência, eles fugiriam.

Após executado o plano, os homens foram embora deixando a família amarrada. As informações foram divulgadas pelo site G1 local.

A fuga

A Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) informou que a fuga da quinta-feira ocorreu perto das 19h15, na Penitenciária Estadual Milton Soares de Carvalho. Desses, um foi morto e outros cinco recapturados. Há 12 foragidos.

“Durante a recaptura um preso foi atingido por disparo de arma de fogo e foi imediatamente conduzido a unidade de saúde, mas veio óbito”, explicou o governo.

Mais lidas
Últimas notícias