Crise? Caoa Cherry confirma fabricação no Brasil do sedã Arrizo 6

Modelo sino-brasileiro é maior do que os concorrentes Cruze, Corolla e Civic (o porta-malas, idem). E será cheio de tecnologia

atualizado 11/06/2020 11:18

Foto: Caoa Cherry/Divulgação

A produção de veículos no Brasil em maio deste ano voltou aos patamares de 1992, quando o então presidente da República, Fernando Collor, chamou nossos carros de “carroças”. O nível ficou 84% abaixo do mesmo período de 2019. As montadoras estimam que a queda no ano será de 40% nas vendas.

Mesmo assim, algumas empresas mantêm seus lançamentos. A Caoa Chery, por exemplo, acaba de divulgar mais um teaser em que não deixa dúvidas: é o sedã Arrizo 6 (ou outro nome que possa ter. O fato é que ele será em Jacareí, no interior de São Paulo (reaberta há 10 dias). 

Segundo informações do Automotive Business, vem para concorrer com modelos já estabelecidos no mercado, como o Chevrolet Cruze, o Toyota Corolla e o Honda Civic. Para vencer essa competição acirrada, os chineses apostam no tamanho: o sedã médio será o maior da categoria, com 4,71 m de comprimento, 1,82 m de largura e entre-eixos de 2,67 m. 

O porta-malas, de 570 litros, também será o maior do segmento. O motor 1.5 turbo flex gera 147cv – com câmbio CVT capaz de simular nove marchas.

Outro diferencial do Arizzo 6: a quantidade de tecnologia embarcada, como central multímidia de 9 polegadas com sistema Mirror Link, capaz de espelhar a tela de smartphones Android ou iOS.

O sedã vem com 6 airbags, botão start stop e câmera 360º para auxiliar na hora de manobrar.

 

Últimas notícias