João Pedro foi baleado pelas costas, aponta Polícia Civil

Projétil disparado de uma arma de fogo atingiu garoto abaixo da axila direita e parou apenas próximo ao ombro esquerdo

atualizado 28/05/2020 9:04

jovem de 14 anos assassinado pela policia no Rio de JaneiroArquivo Pessoal

O menino João Pedro Mattos Pinto, de 14 anos, foi alvejado nas costas pelo tiro de fuzil, atesta laudo cadavérico divulgado pelo jornal Extra.

O adolescente morreu baleado no último dia 18 durante operação conjunta das polícias Civil e Federal no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo (RJ).

De acordo com o exame pericial, a bala perfurou o garoto logo abaixo da axila do braço direito e parou próximo ao ombro esquerdo, na região da escápula.

Durante o percurso, o projétil atingiu os pulmões e a base do coração do menino João Pedro, que teria morrido antes mesmo de chegar ao hospital.

0

A Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCRJ) aguarda resultado de um confronto balístico para identificar de qual arma de fogo partiu o disparo.

O que sabe até o momento é que a bala que atingiu João Pedro é do mesmo calibre de um dos fuzis apreendidos com os policiais da operação.

Últimas notícias