PF deflagra operação contra desvios de R$ 7 milhões na Saúde de Cabo Frio

Secretaria de Saúde de Cabo Frio (RJ) foi alvo da operação da Polícia Federal batizada de Exam. Ação foi realizada nesta segunda-feira

atualizado 15/06/2020 9:13

A Polícia Federal (PF) cumpre nesta segunda-feira (15/06) mandados de busca e apreensão para apurar supostos desvios de recursos na área de saúde da cidade de Cabo Frio (RJ).

As irregularidades podem ter causado um prejuízo maior que R$ 7 milhões aos cofres públicos, segundo a PF, prejudicando o combate à pandemia do coronavírus na Região dos Lagos.

A operação policial, batizada de Exam, conta com colaboração do Ministério Público Federal (MPF) e da Controladoria-Geral da União (CGU). Veja imagens da operação:

0

No total, são realizados 30 mandados de busca e apreensão nas cidades fluminenses de Cabo Frio, São João de Meriti, Nova Iguaçu, Miracema e Rio de Janeiro (RJ), além de Serra (ES).

Os mandados foram expedidos pela Justiça Federal em São Pedro da Aldeia (RJ) e estão relacionados a 28 alvos, sendo 14 pessoas físicas, 11 empresas e três órgãos públicos.

Últimas notícias