PC Siqueira apaga postagem onde se defendia de acusações de pedofilia

Após apagar a publicação, o youtuber postou um Stories com a frase "se você deseja escuridão, nós apagamos a chama", em inglês

atualizado 15/06/2020 17:15

PC SiqueiraYouTube/Reprodução

PC Siqueira decidiu apagar, na madrugada desta segunda-feira (15/6), a postagem que fez para se defender das acusações de pedofilia que sofreu na internet e virou caso de polícia.

Após deletar a postagem, onde o youtuber citava sinais de falsificação na conversa, PC publicou um Stories com a frase: “You want darker we kill the flame” (se você deseja escuridão, nós apagamos a chama), trecho da música You Want It Darker de Leonard Cohen. Além disso, PC também privou sua conta na rede social apenas para seguidores.

0

Na publicação agora apagada, PC Siqueira se disse chocado com as acusações: “Confesso que fiquei chocado, atordoado e passei por um dos piores momentos da minha vida. Ninguém imagina um dia ver seu próprio nome envolvido com um crime abominável”. Segundo ele, o vídeo divulgado por uma conta na internet é uma fake news. PC ainda mostrou sinais de que as imagens seriam uma montagem.

“Se formos prestar atenção nesse vídeo asqueroso, ele leva 1 minuto e 31 segundos para o relógio do celular mudar! Nem esse cuidado os falsificadores tiveram. Além disso, o símbolo de verificação tem um espaçamento diferente do verdadeiro. Está tudo ali, pra quem quiser ver. A operadora da suposta linha do vídeo é pré-paga dos Estados Unidos. O celular é um samsung e está gravando a tela de um iphone. Enfim, são muitas evidências que demonstram a falsificação mal feita”, disparou PC Siqueira.

Entenda

Um perfil do Twitter divulgou, no último dia 10, prints de supostas conversas do criador de conteúdo em que ele compartilharia a foto de uma criança de 6 anos nua. O perfil que vazou as conversas é o Exposed Emo, o mesmo que divulgou conversas do baterista Japinha com uma adolescente. O músico foi afastado da banda CPM 22.

Na suposta conversa, PC Siqueira falaria com um amigo, que teve o nome preservado. Ele diz que a mãe da criança teria enviado as fotos da filha. “Ela parou porque sabe que pode dar merda”, teria dito o youtuber.

Últimas notícias