172.16.1.217 ip-172-16-1-217 hom.metropoles.com Marca americana Michael Kors quer comprar Versace por US$ 2 bilhões – Metrópoles

Marca americana Michael Kors quer comprar Versace por US$ 2 bilhões

Segundo jornal italiano Il Corriere della Sera, o anúncio pode ser feito em algumas horas

atualizado 19/02/2019 16:40

Gianni Versace criou e liderou a marca homônima, fundada em 1978 e sediada em Milão, até o último dia de sua vida, em 1997. Desde então, a grife italiana é comandada pelos irmãos do estilista: Santo Versace é presidente da empresa e Donatella atua como diretora criativa e vice-presidente.

Em 2014, no entanto, o grupo Blackstone comprou 20% da empresa. Nesta segunda-feira (24/9), ao que tudo indica, a Versace será vendida para a holding norte-americana Michael Kors, que deve adquirir o nome da marca por um valor superior a US$ 2 bilhões.

Vem comigo saber mais!


A Versace é uma das poucas marcas de luxo independentes e, portanto, a notícia sobre a venda veio como uma surpresa. De acordo com a imprensa internacional, especificamente o jornal italiano Il Corriere della Sera, o anúncio deve ocorrer nas “próximas horas”. Inclusive, Donatella Versace teria convocado uma reunião com os funcionários para esta terça-feira (25).

Procuradas pelas agências de notícias Bloomberg e Reuters, nenhuma das partes se manifestou. As informações vieram de fontes envolvidas nas negociações que preferiram não se identificar. Rumores apontam a joalheria Tiffany & Co. como interessada na operação, enquanto o grupo Kering já teria descartado a possibilidade por considerar o preço muito alto.

O interesse da Michael Kors teria origem no desejo de se tornar um grande grupo de luxo, nos moldes dos gigantes franceses LVMH e Kering. Em 2017, o selo comprou a grife de sapatos Jimmy Choo por cerca de 900 milhões de libras.

Com a venda, a porcentagem pertencente a Blackstone entraria na negociação, e o grupo deixaria de ter participação na marca italiana. A família Versace, por sua vez, continuaria a atuar na grife.

Getty Images
Donatella Versace durante o desfile de primavera/verão 2019 em Milão. Ela atua como diretora criativa da marca italiana

 

Getty Images
Santo Versace é o presidente da grife desde que o irmão morreu, em 1997

 

Getty Images
O anúncio, segundo o jornal italiano Il Corriere della Sera, pode sair nas próximas horas

 

Getty Images
A marca é conhecida pela pegada extravagante e cheia de detalhes

 

Getty Images
Versace era uma das labels que seguiram independentes, sem pertencer a nenhum conglomerado fashion

 

Para outras dicas e novidades sobre o mundo da moda, não deixe de visitar o meu Instagram. Até a próxima!

Colaborou Hebert Madeira