O bem estar de quem mantém a vida em movimento.

GDF anuncia pagamento da 3ª parcela do reajuste de servidores

O secretário André Clemente anunciou, nesta quinta-feira, a determinação do governador Ibaneis Rocha de pagar 3ª parcela devida desde 2015

atualizado 14/10/2021 19:19

Para viabilizar a medida a partir de abril de 2022, o GDF vai enviar à Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) um pedido de ajuste ao orçamento. Segundo Clemente, o orçamento do DF era de R$ 40 bilhões, mas deve subir para R$ 47 bilhões. “A lei que concede o aumento já existe. Com a alteração que será encaminhada para a Câmara Legislativa, passará a ter eficácia. O texto será encaminhado até o fim deste mês”, informou.

O pagamento não será retroativo a 2015, quando a parcela deveria ter sido paga. “A lei só passa a ter eficácia a partir do momento que a Câmara Legislativa aprovar o ajuste no texto. Portanto, em abril do ano que vem”, disse Clemente.

Para viabilizar a medida a partir de abril de 2022, o GDF vai enviar à Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) um pedido de ajuste ao orçamento. Segundo Clemente, o orçamento do DF era de R$ 40 bilhões, mas deve subir para R$ 47 bilhões. “A lei que concede o aumento já existe. Com a alteração que será encaminhada para a Câmara Legislativa, passará a ter eficácia. O texto será encaminhado até o fim deste mês”, informou.

O pagamento não será retroativo a 2015, quando a parcela deveria ter sido paga. “A lei só passa a ter eficácia a partir do momento que a Câmara Legislativa aprovar o ajuste no texto. Portanto, em abril do ano que vem”, disse Clemente.

Últimas notícias
Mais lidas