Cem dias de coronavírus no DF: saiba quais cidades têm mais de mil casos

De acordo com o último boletim, a capital do país registra 22.871 infectados e 276 mortos

atualizado 15/06/2020 11:09

Há cem dias, o Distrito Federal registrava o primeiro caso do novo coronavírus. O GDF adotou medidas para evitar o contágio com o isolamento social, como a suspensão de aulas e de atividades comerciais e a adoção do teletrabalho. Nas últimas semanas, porém, houve flexibilização. Assim, lojas de ruas e shoppings foram reabertos, além de templos e parques.

No boletim da Secretaria de Saúde divulgado na noite desse domingo (14/06), o DF tinha 22.871 infectados e 276 mortos. Há, ainda, outros 28 óbitos registrados na capital do país. Mas, como se tratam de moradores de outras unidades da Federação, principalmente de cidades do Entorno, entram nas estatísticas dos estados de origem. Considerando esses casos, o número de vítimas da Covid-19 na capital do país sobe para 304.

Cinco cidades ultrapassaram os mil casos da Covid-19. Confira:

  • Ceilândia: 2.911
  • Plano Piloto: 1.757
  • Taguatinga: 1.567
  • Samambaia: 1.392
  • Gama: 1.157

A triste lista das cinco cidades com mais mortes pelo coronavírus é um pouco diferente. Ceilândia segue como a região com mais óbitos (64), seguida de Samambaia (34), Taguatinga (21), Recanto das Emas (17) e Plano Piloto (16).

Existe ainda a situação do sistema prisional. De acordo com dados combinados entre a Secretaria de Saúde e da Segurança Pública, são 1.127 infectados entre detentos e servidores. Ainda neste segunda (15/06), um novo boletim divulgará novos números sobre o setor.

0

Números absolutos

De acordo com reportagem do Metrópoles, o Distrito Federal registrou mais casos do novo coronavírus do que a população de cinco regiões administrativas. A capital do país tem 22.871 mil infectados pela Covid-19, segundo o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde, por meio do Painel Covid-19.

Com a marca, o montante de contaminados supera o total de moradores da Fercal (8.553), do Varjão (8.802) e Setor de Indústria e Abastecimento (1.549) juntos.

A quantidade de doentes também é superior aos índices populacionais do Park Way (20.511) e da Candangolândia (16.849) e não está longe de se igualar ao número de habitantes do Núcleo Bandeirante, que conta com 23.619 residentes.

Últimas notícias