Sistema prisional do DF soma 1.119 casos confirmados de coronavírus

Aumentou para 224 o número de policiais penais curados da Covid-19; DF é unidade da Federação que mais testou presos e servidores

atualizado 10/06/2020 19:09

Médicos aplicam teste em presasSES-DF/Divulgação

Subiu para 1.119 o número de casos confirmados do novo coronavírus no sistema prisional do Distrito Federal. O balanço foi atualizado pelas secretarias de Segurança Pública (SSP) e de Saúde (SES) nesta quarta-feira (10/06).

A maior quantidade de infectados segue entre os presos: são 875 detentos com Covid-19. Dois já morreram em função de complicações causadas pela doença.

Há, contudo, menos policiais penais contaminados pelo vírus. Eram 19 casos ativos na terça (09/06) – nesta quarta, as pastas notificaram 17.

Já são 224 servidores recuperados do novo coronavírus. Há um óbito confirmado entre os policiais penais.

O DF é a unidade da Federação que mais testou presos e policiais penais (foto em destaque). Sozinho, o sistema prisional da capital do país é responsável por 70% de todos os exames aplicados nas penitenciárias do país. Atualmente, 5,7 mil testes foram realizados pela Secretaria de Saúde do DF em internos e servidores.

0

Últimas notícias