Saiba quem é o suspeito de matar Madeleine McCann. Ele está preso

Brueckner possuía uma casa que ficava a 3 km do hotel no qual Kate e Gerry McCann estavam hospedados na noite em que Madeleine sumiu

atualizado 14/06/2020 22:41

Christian Brueckner, suspeito de matar MadeleineReprodução

O suspeito de sequestrar e assassinar Madeleine McCann, em 2007, está preso na Alemanha e cumpre pena por tráfico de drogas. Christian Brueckner, de 43 anos, já foi condenado por abuso sexual de crianças, conforme a polícia alemã.

Em dezembro de 2019, o alemão também foi condenado por estuprar uma idosa em 2005, na região do Algarve, em Portugal, para onde Madeleine e a família tinham viajado e local do qual a menina desapareceu.

0

De acordo com reportagem do Fantástico, exibida neste domingo (14/06), Brueckner possuía uma casa que ficava a 3 km do hotel no qual Kate e Gerry McCann estavam hospedados com amigos na noite em que Madeleine sumiu. Ele viveu na residência até 2007.

Pessoas da região que chegaram a conviver com o suspeito relataram que ele tinha “cara de poucos amigos”. Brueckner foi investigado durante o caso Madeleine, mas a polícia não encontrou nada que o incriminasse à época.

Contudo, o alemão transferiu para o nome de um amigo um dos carros que tinha apenas um dia após Madeleine sumir. Ele também era dono de uma van, que atualmente está parada em um ferro-velho e aguarda perícia das autoridades.

No dia do desaparecimento de Madeleine, Brueckner recebeu um telefonema em sua casa. A polícia espera descobrir o autor da ligação a fim de torná-la uma possível testemunha para o caso.

Enquanto morou na região do Algarve, o suspeito construiu um histórico de furtos a quartos de hotéis. De volta à Alemanha depois da repercussão do desaparecimento da garota, Brueckner foi investigado pelo sumiço de uma menina de 5 anos. Contudo, a polícia não deu sequência ao caso.

As autoridades alemãs aguardam provas concretas de que Brueckner de fato matou Madeleine para levá-lo a julgamento.

Últimas notícias