172.16.1.217 ip-172-16-1-217 hom.metropoles.com Luz natural e ser pet friendly são tendências em espaços corporativos – Metrópoles

Luz natural e ser pet friendly são tendências em espaços corporativos

Novos comportamentos dos trabalhadores presam por bem-estar

A chegada dos novos tempos traz transformações nos locais de trabalho. Agora, a proposta é focar no bem-estar, não só para se sentir saudável, mas também para aumentar a produtividade. Com isso, mais pessoas estão priorizando empresas que cumprem dois requisitos: prédio com acesso à luz solar e ambiente pet friendly.

Uma pesquisa publicada no Harvard Business Review mostrou que acesso a janelas e luz do sol é a prioridade número um para quem procura um emprego ou já está trabalhando. Esse tópico ficou acima de outros, como refeitórios, academias e até mesmo creches. A justificativa dada foi o cansaço visual e mental de tanto usar aparelhos tecnológicos, como celulares e computadores.

Para combater o estresse e a ansiedade dos trabalhadores, empresas visionárias como Google e Amazon incentivam a presenças de pets em alguns escritórios. No Brasil, essa tendência está começando a crescer e, na capital do país, a vontade é realidade em locais seletos e modernos, como o Bsb Coworking.

Sou apaixonada por animais e era meu sonho poder trabalhar na companhia deles. Além do coworking ser um espaço super democrático e moderno, existe essa demanda dos clientes”, fala Camila Spina, sócia-gerente do Bsb Coworking. A empresária garante que quem vai ao espaço adora esse bônus.

O estabelecimento tem uma regra de só permitir um pet por dia, independentemente do horário ou tempo de estadia. Para a comunicadora social e designer gráfica Victória Cordeiro, 23 anos, aceitar bichinhos não é uma prioridade, mas um grande diferencial. O local de coworking é a primeira vez que ela consegue levar o amado Luca junto para trabalhar. “Não sei como vivi a vida toda sem isso”, ri.

Arquivo pessoal
Victória foi ao trabalho acompanhada da mãe e do pet

 

“É ótimo poder passar mais tempo com ele e os pets super alegram o ambiente, o dia fica mais divertido para todos”, comenta. Victória aponta que existem algumas desvantagens, como não poder marcar um compromisso para logo depois do trabalho e ficar menos horas no espaço para atender as necessidades do bichinho. “Mas com certeza há muito mais benefícios do que desvantagens”.

A psicóloga e escritora Tarsia Gonzalez confirma a influência do ambiente na produtividade e fala que os benefícios de estar no escritório na companhia do pet são significativos para o bem-estar. “Nos Estados Unidos, é comum ir a restaurantes e ver as pessoas levando os animais. Mas é preciso cuidado, porque pode ser positivo para umas pessoas, mas ruim para outras, talvez alguém com traumas. A questão é respeitar limites”, diz.

Para a especialista, outra alternativa de melhorar o ambiente de trabalho é o acesso a janelas e luz solar. “Com tanto estresse causado pela tecnologia, precisamos de algo que remeta à natureza. Poder olhar para fora e não ficar confinado no ar condicionado faz diferença”, fala.

Tarsia também ressalta a importância de momentos de ginástica e convivência com colegas, além da possibilidade de ter objetos pessoais, como fotos e plantas, na mesa. “Necessitamos de fontes de prazer para combater o estresse do dia a dia”, afirma. “Até as cores do ambiente influenciam nosso humor, então o ambiente impacta 100% nossa produtividade e saúde mental”.

Allan
Estagiário